terça-feira, 19 de abril de 2011

The beginning of the adventure! :)

Hey, dears!

Como estão todos por aí? Bom, no dia 17 de abril eu escrevi um texto para depois postar aqui, mas tanta coisa já mudou (sim, em 3 dias!) que eu terei que simplesmente escrever direto!

Ainda estou com dores musculares por causa do avião, da cama e agora da preocupação. Mas não discutirei aqui o meu psicológico problemático. Então contarei como tudo começou aqui (desculpem-me, o post ficará meio gigantesco!).

Meu quarto fica num fofíssimo apêndice (mamãe disse que o nome é edícula! hahahah) da casa (fotos serão postadas depois!), com uma salinha contendo um sofá, uma poltrona, TV, frigobar e mesa. Ah! Tem um Play III tb, YES! Nessa edícula estão os 2 quartos para estudantes e 1 banheiro. Domingo chega de viagem o outro aluno que eles estão recebendo! A família é composta por Krittiya (host mother, tailandesa), Greg (host father, australiano), cousin Paul (tailandês) e os dois filhos do casal (ainda não os conheci), Jacinta e Ken (nascidos aqui). O casal é um amor, mas os vejo bem pouco. Cousin Paul eu vejo com mais frequência, mas tem um inglês muito ruim e é MTO barulhento. Isso está contribuindo demais para o meu sono de beleza.

Bom... o inglês dos australianos é, de fato, bem complicado. Assistindo ao programa Wide World of Sports (ou algo do tipo), me senti num lugar completamente diferente com uma língua x que não o inglês. O único programa que entendi 100% foi o Minute to Win It que, como o próprio nome diz, você precisa passar por umas provinhas de 60s cada para no final conseguir ganhar 1 milhão. Anyway, os australianos realmente são muito simpáticos. Desde o aeroporto. Não vi ninguém com a cara fechada, sem vontade (agora sim, vi 2 motoristas de ônibus estrangeiros). Vi tudo quanto é tipo físico. O país é lindo (e olha que vi muito pouco), com MUITA coisa pra um biólogo se encantar. Da minha casinha (apelido carinhoso para minha edícula) você vê mais verde do que existe na cidade de São Paulo inteira quase! Esses dias tem feito frio (o noticiário diz em torno de 21ºC, mas a sensação é bem mais baixa), mas o sol é muito muito forte. Passo calor e frio o dia todo! Já fiquei tostando no ponto de ônibus.

A única coisa que tá sendo meio... sem palavras... é a quantidade de brasileiros. Só ontem eu conheci mais de 30, sem brincadeira! Começou na minha escola... depois na sala de aula... depois na balada... ah sim, a grande maioria de São Paulo, claro! Ô praga! Nunca conheci tanto brasileiro num só dia aí no Brasil! Mas conheci muita gente legal, divertida, de bem com a vida... foi muito bom!

Mudando um pouco de assunto, eu vim pra cá lendo COMER REZAR AMAR. Tá, não me julguem, mas esse livro realmente tem muito a ver comigo. Nele li uma passagem muito boa que a Elizabeth Gilbert ouviu de um homem importantíssimo na vida dela:

"To find the balance you want, this is what you must become. You must keep your feet grounded so firmly on the earth that it´s like you have four legs, instead of two. That way, you can stay in the world. But you must stop looking at the world through your head. You must look through your heart instead. That way you will know God."

Achei inspirador. Essa viagem dela pro auto-conhecimento...

Well... já sentindo muita falta de todos aí!

Vejo vocês no próximo post!

*ouvindo Like a Stone - Audioslave

Ah! O horário do post tá de acordo com o de vocês, ok? Aqui são quase 13hs! :)

2 comentários:

Kete disse...

Floooorrr....já tô adorando suas aventuras, pelo visto c tb, neh. Aproveite mto e continue contando as novidades. C cuida.
BJINHUS....
=^.^=

Denise disse...

Amigaaa nem sabia que você tinha blog e amei seu primeiro post!!!!
Mantenha ele ATUALIZADO e o diário que temos para vc tb =)
Um beijao